29 de dezembro de 2004


Asian disaster - Tsunami

AJUDA HUMANITÁRIA

Os nossos blogs podem servir para colaborar em determinadas operações com as autoridades e organizações não governamentais para minimizar os efeitos da tragédia.


Contactos

* Missões Diplomáticas
* AMI
* Cruz Vermelha
* Médicos sem Fronteiras
* Protecção Civil

Procurar informações de familiares em férias na Ásia

* Aeroportos
* Agências de Viagens



Para ajudar a restabelecer o contacto entre as pessoas separadas, o CICV oferece uma nova página "FamilyLinks" para a Índia, Indonésia, Sri Lanka e Tailândia.

* The information of patient in Phuket Hospital (dica do meu amigo Santa Cita)

* Agências noticiosas e Imprensa

28 de dezembro de 2004



Durante as festas de Natal tive um bocadinho para os blogs e, muito gentilmente, o nosso foi premiado pelo Fórum com o Prémio “Uma Causa”.
Também recebemos muitas mensagens carinhosas e o meu agradecimento a todos fica registado da maneira que eu acho mais simples. OBRIGADA!

Mas quando estas coisas acontecem fico de rastos e não posso estar contente.
No entanto, fica o desejo de que 2005 vos traga tudo de bom.

Beijinhos.

20 de dezembro de 2004



O ABC dos miúdos deseja-vos um FELIZ NATAL!

E podemos fazer outras crianças mais felizes que não podem passar o Natal em casa e mandar muitas mensagens para eles.
Eu explico:
A “Porto Editora” e a empresa de informática "JP Sá Couto" juntaram-se para um "Natal mágico nos hospitais". Foram instalados nos serviços de pediatria do Hospital S. João, no Porto, e no Hospital D. Estefânia, em Lisboa, serviços multimédia e pontos de acesso à Internet. Também já há em Vila Real, Viseu, Coimbra e Faro.
Eu já mandei. E tu?



11 de dezembro de 2004

O Filme deste Natal



"Na véspera de Natal, um menino ouve um barulho que vem do lado de fora de casa. Quando ele olha pela janela, descobre que há um enorme comboio parado logo em frente à sua casa: é o Expresso Polar, que irá conduzi-lo numa viagem de sonho e fantasia rumo ao Pólo Norte, residência oficial do Pai Natal."

* Em português

* Em inglês



A Campanha do Nor faz "puxar" pela gente.
Quanto mais se escrever, e ler, melhores pessoas conseguimos ser.


5 de dezembro de 2004

Breves



* Durante o tempo que aproveito com os blogs, descobri mais alguns que nos interessam. A paixão da educação foi um deles, que por sua vez, tem lá outros links que podemos explorar e conhecer melhor. "Um edublogue de opinião sobre a paixão de aprender e de ensinar, sobre o ensino e as aprendizagens, sobre a escola em geral... e em particular” é o mote.



* Num dos meus blogs, dedico parte do tempo na pesquisa de temas diversos. Não sou eu que escrevo, limito-me a juntar peças. Esta semana foi sobre Pedofilia.
Se quiserem dar lá uma espreitadela…



* O nosso blog está de parabéns. O mais recente amigo da gente, o Zecatelhado, atribuiu esta semana os seus prémios. Coube ao ABC o Globo de Ouro (palmas, hihi…), como não sei fazer discursos, e na qualidade de gestora deste cantinho, a distinção abrange também o Mário Nuno e todas as crianças com blog (linkadas ali ao lado).
Em nome de todos, o meu muito Obrigada, Zecatelhado.


* À minha querida Jacky que ontem fez anos.





* No Netescrita é tempo de contar histórinhas de Natal.
Contos e muitas coisas giras escritos por gente de palmo e meio, como nós. A Sara, a Joana, a Sofia, o Vítor, a Cátia, a Rosana, a Fátima, a Ariana, o Aluísio, são alguns. Esta semana, a Professora Emília publicou a nossa. Um beijinho enviado daqui por nós as três.


* A Inês tem uma surpresa muito boa para todos os seus amigos no Provérbios.
Estão à espera de quê, hã…? (hihi…)


* A todos os que por aqui passarem desejo uma boa semana e um conselho:

30 de novembro de 2004

Bom dia a todos!

Ando muito ocupada com muitas coisas giras para fazer e não me sobra tempo. Uma delas é uma peça de teatro para a Festa de Natal lá da escola.
Para além disso, tenho a minha bisavó no hospital e tenho que lhe levar os Actimel que ela gosta muito. Vou tentar transformar-me em

e dizer:

"No mistério do Sem-Fim,
equilibra-se um planeta.
E, no planeta, um jardim,
e, no jardim, um canteiro:
no canteiro, uma violeta,
e, sobre ela, o dia inteiro,
entre o planeta e o Sem-Fim,
a asa de uma borboleta."

Ruben Alves

16 de novembro de 2004




Dia do Mar

“Primeiro era o Mar. Tudo estava escuro.
Não havia sol, nem lua, nem gente, nem animais, nem plantas.
O Mar estava em todo o lado. O Mar era a mãe.
A mãe não era gente, nem nada, nem coisa alguma.
Era o espírito do que havia de vir, era pensamento e memória."
”Poema da mitologia da tribo Kogui (Colômbia)



"De que vale sermos a ilha
Descoberta
E não haver
Já mar nenhum
À nossa volta?"

Jorge Castro




"E os corpos espalhados nas areias
Tremem à passagem das sereias,
As sereias leves dos cabelos roxos
Que têm olhos vagos e ausentes
E verdes como os olhos de videntes"

Sophia

15 de novembro de 2004



Um grupo de crianças escreveu o seguinte: "todas as crianças precisam de bons exemplos para saber o que é bom e mau, e crescerem felizes. Uma criança feliz, com certeza, será um bom cidadão".
Saibam o que é o Projecto Galaró.





Também sabiam que já nasceu a Beatriz? Pois é, neste fim de semana. É tão fofinha...

6 de novembro de 2004



No Netescrita, a professora Emília tem procurado que os alunos de várias escolas gostem de escrever.
Segundo me apercebi, este ano há gente nova como o Vítor e a Rosana que já estão a escrever as histórias deles. E mais giro ainda é que aparecem novos leitores com blogs que vão lá dar uma espreitadela, gostam e ficam visitantes diários.
Além disso, se procurarem bem no Escrita Colaborativa vão dar com escritores (que eu já descobri noutro sítio, hihi...) como Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, José Vaz ou Pedro Mésseder, que escrevem muitas histórias para nós.

Por mim, já que fui convidada para escrever uma ou outra coisinha, o tempo é que é pouco, vou tentar ser mais participativa.
Porque não fazem o mesmo?
Enviem para lá que a professora Emília publica e sempre dá para conhecer amigos da nossa idade e de escolas que têm coisas engraçadas e diferentes da nossa. Quem sabe se, quando formos grandes, conseguimos ser o que queremos?

"Desde pequena
que sempre disse:
“quando for grande
quero ser jornalista” – e fui."

Alice Vieira

31 de outubro de 2004



Bom dia!

A mudança da hora já me alterou os planos. Tenho dois filmes para ver, um livro para ler e muitos trabalhos a fazer. Mas como amanhã é feriado vou tirar um bocadinho para saborear os textos escritos neste blog duma amiga nossa: Madalena Santos.
Para além de lhe deixar um beijinho se ela passar por aqui, também tenho que agradecer a um dos melhores compinchas que eu tenho (hihi…) a gentileza de me ter indicado tal façanha.

Também não posso deixar passar em claro os dois miminhos que o meu amigo Orca e a minha Fada se dignaram ofertar-me. Passe a imodéstia, fiquei com o ego duma tal maneira que nem na porta do meu quarto já cabia. A minha gratidão fica assim expressa.


Este gif é para a Inês, que faz um ano com o seu Provérbios.




29 de outubro de 2004





Astérix é um pequeno gaulês criado por Goscinny e Uderzo.
A história passa-se no ano 50 antes de Cristo, quando toda a Gália estava ocupada pelos romanos. Toda...? Toda não! Uma pequena aldeia resiste ainda, e sempre, ao invasor: os Romanos.
Com a ajuda de uma poção mágica, inventada pelo druida Panoramix, que dá uma força sobre-humana a quem a bebe, os gauleses podem resistir aos invasores.
E ele faz hoje 45 anos!, na companhia do seu melhor amigo.



28 de outubro de 2004


(imagem Dinho)

Hoje descobri coisas giras.
Uma para os graúdos e outra para os “catraios”, como eles dizem.

E também:

Um portal Europeu sobre oportunidades de educação e formação.
Chama-se Ploteus e no site é possível encontrar informações desde o ensino primário até ao superior, ou mesmo a educação de adultos.

Escolas: racismo ou segurança?

Mas para fugir um bocadinho ao que estes espaços podem proporcionar gostaria de expor aqui uma coisa e que poucos de nós falam ou escrevem: a nova escola.
Para além da dificuldade que todos nós soubemos na colocação dos professores, a minha escola alterou significativamente o esquema a que eu estava habituada. Para pior.
A questão da segurança é uma delas. Alguns alunos novos são outra.

Estou numa cidade (Seixal) onde os problemas não são, ainda, graves.
Casos de droga são raros, felizmente. Os casos de grupinhos para roubar já começam a aparecer mas a gente junta-se e a coisa passa. Evita-se é ter o telemóvel à vista e não puxar de dinheiro na rua. Nunca fui incomodada, mas temos colegas novos de origens cigana e africana que se mostram um pouco agressivos e mandões. "Outras Culturas", é o que me dizem...

Eu tenho a minha opinião mas gostava de saber a vossa. Digo isto porque parece que as pessoas têm medo de falar nestas coisas. E nada melhor que prevenir do que remediar para não confundir racismo com segurança.
Que vos parece?

25 de outubro de 2004



Senta aí!

Então é assim: já vim da escola e agora tenho um bocadinho para tentar explicar umas coisas aos miúdos da minha idade.

Primeiro;
Este blog não é meu. É NOSSO!
E nunca desisti da ideia de que pudesse ser um espaço para escrever, ler, descobrir, perguntar, saber, protestar, atazanar ou divertir, para quem quisesse colaborar. É só pedirem-me a password.

Segundo;
Temos ao nosso alcance “ferramentas” que muita criança nem sonha que possa ser usada em nosso benefício: pesquisa, contactos, projectos, estudos.
Tudinho feito à mão para nosso bel-prazer e utilização.
E o que é que se passa? Ninguém liga patavina a essas coisas e prestamos atenção a coisas inúteis que nos desviam .
De que vale termos muitas amigas e muitos amigos professores, poetas ou escritores? De que vale termos escolas que querem a nossa participação e blogs onde podemos questionar, aprender e participar e que estão mesmo ali do lado direito?

Terceiro;
Ouvimos os nossos pais a dizerem mal de tudo. Ouvimos os outros a dizerem mal de quase todos e não fazemos mais por isso. Ainda não fui aos blogs todos da “nossa gente” mas, só para exemplo, calculo que alguns já tenham parado. Outros sentem-se isolados porque os adultos não lhes passam cartuxo.

Está aqui uma renovada oportunidade para se dar a volta à coisa. Vamos tentar ser mais amigos, mais próximos e mais participativos. A comunidade dos blogs dos miúdos portugueses não pode ser só fantasia. Nós existimos, pensamos, vivemos. E se a imagem das crianças que somos for a da apatia que raio de país virá a seguir?


Pensem nisso e... senta aí.

23 de outubro de 2004

13 de outubro de 2004

Por intermédio do meu avô descobri a Teacher que por sua vez nos dá a conhecer o Prof2000.



O que é o Prof2000, perguntam vocês?
É um programa de formação de professores à distância e de apoio às TIC nas escolas. Participam o Ministério da Educação/DREC, 90 Escolas de todo o País e 28 Centros de Formação.

Professores e alunos!, o que é que estão à espera para clicar aqui?

8 de outubro de 2004



Finalmente!

Tudo voltou à normalidade.
Já tenho os livros, os professores e as amigas. Falta-me acabar a XXI Seixalíada, visitar os amigos dos blogs e actualizar os meus. Depois é viver feliz um dia de cada vez.
(hihi…)

Beijinhos

5 de setembro de 2004



O Último teste

Perguntaram ao nosso grupo de estudantes lá na escola o que nós achavamos quais seriam as actuais "Sete Maravilhas do Mundo". Embora houvesse algumas diferenças, foram estas que foram mais referenciadas: 1. As Grandes Pirâmides do Egipto 2. O Colosso de Rodes 3. Grand Canyon 4. Canal do Panamá 5. Taj Mahal 6. Basílica de São Pedro 7. A Grande Muralha da China.

Ao recolher os nossos votos, a professora notou que uma estudante ainda não tinha acabado a sua lista. Então, ela perguntou à menina se ela estava a ter dificuldades em acabar.
A menina respondeu:
- Sim, um pouco. Eu ainda não consegui decidir. São tantas…
- Bom, disse a professora, explica para a turma e talvez possamos ajudar.
A menina hesitou, mas então leu:
-Eu acho que as “Sete Maravilhas do Mundo” são:
1. Ver 2. Ouvir 3. Tocar 4. Provar 5. Sentir 6. Rir 7. Amar

4 de setembro de 2004

Tragédia!!!



Proponho que todas as escolas, no início do ano lectivo, coloquem uma bandeira preta em sinal de protesto contra o terrorismo e em memória de todas as crianças que foram vítimas nesta tragédia.

27 de agosto de 2004


Atenas 2004



Se por baixo desta imagem eu escrever Kiribaki sabem do que estou a falar? E Palau? Por ser logo de manhã pode pensar-se que eu ainda não acordei. Mas não é nada disso. É sobre a Olimpíada dos países de que a maior parte das pessoas nunca ouviu falar. Confira aqui.

24 de agosto de 2004

Crónicas do dia


O barco da Inês à saída de Oia.

Não percam todas as peripécias da Caça ao Tesouro Imaginário: tempestade, salvamento e fotografias. Muitas fotografias de lugares a que nunca foram. A não perder. No blog dela, claro. (de manhã o blog estava com problemas)

A Eva está cada vez mais bonita e já tem… hihi, não digo. Vão lá ver. Tá tão gira!

Faltam pouco mais de 70 dias para nascer a Beatriz. É mais uma linda menina que já tem lugar marcado aqui. No nosso blog.

A Conchinha e Bananito lá continuam de férias, mas vão dando notícias. São muita giros.

Aquele Shawn Crawford continua um cagão (grrr...). Deve ter a mania que é vedeta. Ele devia por os olhos era no Francis, isso sim.

A Daniela tem um blog novo espectacular: dedicado ao Cristiano Ronaldo. As meninas que quiserem ir ver, façam favor…(hihihi)


Até amanhã! (vou ver o Benfica)

depois de apanhar o ritmo com esta música de verão...(Aserejé, ja deje tejebe tude jebere sebiunouba majabi an de bugui an de buididipí)
Olé!!!

21 de agosto de 2004



Os Jogos Olímpicos

As Olimpíadas são festas internacionais que começaram na Grécia antiga. Os jogos gregos aconteciam a cada quatro anos. Deixaram de existir logo no começo da Era Cristã.


A volta dos jogos olímpicos aconteceu em 1896. Desde então, passaram a acontecer a cada quatro anos, excepto durante as duas guerras mundiais.
Os jogos olímpicos antigos saudavam os deuses gregos, mas os jogos modernos saúdam o talento dos atletas de todas as nações.



Pode saber-se mais aqui, aqui ou aqui.

Última hora:


Francis Obikwelu é a nossa nova esperança. Correu os 100 metros duma forma espectacular. O pior vai ser aqueles tubarões dos americanos, hihi...

Sugestões:

Não vejo muita televisão dos adultos mas estou com muita vontade de ver amanhã, na RTP às 22:30, John Q


A Inês e o pai andam à procura de um tesouro imaginário. Os relatos no blog dela são imperdíveis.